sexta-feira, 12 de julho de 2013

Jogral para cultos de evangelização



       E este Jesus que vos anuncio é o Cristo.                                            Atos 17.3b

M= mulheres

H= homens

Distribua o jogral da seguinte maneira:

1: mulher; 2: homem; 3: mulher; 4: homem; 5: mulher e 6 homem.



VOZ OCULTA: Verdadeiramente, ele tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre si, e nós o reputamos por aflitos, ferie de Deus e oprimido, mas ele foi ferido pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniquidades, o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras, fomos sarados.



Todos: Convinha que o Cristo padecesse e ressuscitasse dos mortos, e este Jesus que vos anuncio, é o Cristo.

M- Este Jesus que vos anuncio, é o Cristo.

 H- Este Jesus que vos anuncio, é o Cristo. 

M: O redentor.

H: O Messias.

M: A Raiz de Jessé.

H: O Filho de Deus.

TODOS: O que era, o que é e o que há de vir. E todo aquele que confessar que Jesus é o Filho de Deus, Deus  está nele e ele em Deus.

1, 2, 3: E em nenhum outro há salvação, porque também debaixo do céu nenhum outro nome há, dado entre os homens, pelo qual devamos ser salvos.

4, 5, 6: ele é o mediador entre Deus e os homens, porque o véu foi rasgado de alto a baixo, fazendo dele a única ponte para chegarmos a Deus.  

TODOS: Ele é o sumo sacerdote, o cordeiro que deu sua própria vida como expiação de nossos pecados, é ELE que nos justifica, nos purifica e nos redime de todo o pecado.

1e2: A ELE seja dada toda a glória.

3e4: A ELE seja dado todo o louvor.

5e6: a ELE seja dada toda nossa adoração.

TODOS: E este Jesus que vos anuncio, é o Cristo, o nome que é sobre todo o nome.

M: Muitos tiveram o seu nome marcado na história, criaram suas próprias ideias e por eles morreram, mas o Jesus de que vos falo, sofreu as terríveis dores e morreu para livrar a humanidade da condenação eterna, afim de libertá-la do jogo de satanás.

H: Ele falou, demonstrou e viveu o verdadeiro amor, pois sendo nós ainda pecadores, Ele não poupou sua própria vida, por nossos pecados, e este Jesus que vos anuncio é o Cristo. Quem daria a sua vida por uma humanidade perversa  corrompida?

TODOS: E este Jesus que vos anuncio, é a minha esperança. Minha salvação, o Messias prometido, e em nenhum outro há tanto poder que faça tremer a terra, que para o sol e a lua, que diz: vento acalme-se e mar aquieta-te!

1e2: ELE é a luz antes que houvesse trevas.

3e4: A paz, antes que houvesse guerras.

5e6: A vida, antes que houvesse morte.



VOZ OCULTA: Quem é este?



TODOS: Este é Jesus, o profeta de Nazaré da Galileia.

VOZ OCULTA: Que pensais vós do Cristo? Quem é ELE?



TODOS: Este Jesus que vos anuncio, é o Cristo.



VOZ OCULTA: Quem pode testemunhar sobre isto?



1 ( mulher  sírio-fenícia ): Eu já não suportava mais ver minha filha possuída pelo mal, perturbada por um espírito imundo... Era mais um dia, daqueles tão terríveis, quando olho e vejo aquele homem passando...Era ELE! Sim era ELE. O único que poderia libertar a minha filha. Comecei a gritar: “JESUS, JESUS FILHO DE DAVI, TEM MISERICÓRDIA DE MIM!”... Parecia que ELE não me ouvia, corri e gritei mais alto: “ JESUS, FILHO DE DAVI, TEM MISERICÓRDIA DE MIM!”... Quando o alcancei joguei-me ao seus pé e supliquei: “ SENHOR, SOCORRE-ME!”



VOZ OCULTA: Não é bom pegar o pão dos filhos e deitá-lo aos cachorrinhos.



_ Eu sei Senhor, mas os cachorrinhos também comem das migalhas que caem da mesa de seus senhores.

VOZ OCULTA: Ó mulher, grande é  a tua fé, seja feito para contigo, como tu desejas.

_ Quando ouvi aquelas palavras sosseguei. Eu não precisava chegar em casa para ver, eu sabia que a minha filha naquela mesma hora ficou sã.



2 ( cego de nascença ): Escutei passos, vozes aproximando-se de mim. De repente senti uma mão me tocar. Não era a mão do meu pai que por anos me guiou, nem a da minha mãe que tanto me acariciou... Era uma mão diferente... colocou em meus olhos um lodo e disse-me:

VOZ OCULTA: Vai, lava-te no tanque Siloé.

_ Fui sem demora. E chegando lá , lavei os meus olhos e quando os abri...Estava vendo!... Sim, eu estava vendo. Todos se assustaram, foi um alvoroço, levaram-me aos fariseus. Eles não acreditaram que eu era um sego de nascença, me interrogaram, chamaram meus pais.

VOZ OCULTA: Que dizes daquele que te abriu os olhos?

_ É o profeta.

VOZ OCULTA: Não! É um pecador!

_ Se é um pecador, não sei. Uma coisa sei, havendo eu nascido cego, agora vejo. E foi ELE, o homem chamado Jesus. Quando encontra-lo vou segui-lo, vou adora-lo por todos os dias da minha vida.



3 ( mulher do vaso de alabastro ): Minha enfermidade era na alma, o pecado me corroía, me destruía. As pessoas viravam os rostos para mim, as famílias me rejeitavam...Ah, quantas vezes ouvi suas mensagens, nas ruas, nas praias. Um certo dia, rompi os preconceitos, as regras da sociedade e me joguei ao seus pés... derramei a minha alma em lágrimas quentes que molhavam seus pés... com os meus cabelos os enxugava... ELE não falava nada. Só me olhava, aqueles olhos, aquele silencio, rasgavam a minha alma, como se arrancasse de mim o mais terrível tumor... Eu não o podia tocar, não era digna! Mas eu ousei! Toquei-lhe os és, beijei, ungi com o unguento do meu vaso de alabastro.

VOZ OCULTA: Os teus muitos pecados te são perdoados, por que demonstraste muito amor. A tua fé te salvou; vai-te em paz.



4 ( oficial romano ): Eu tinha um criado paralítico e atormentado. Deixei tudo. Orgulho, posição. Não medi distancia e fui procurar aquele Jesus do qual tinha ouvido falar...Senhor... o meu criado jaz em casa paralítico e violentamente atormentado.

VOZ OCULTA: Eu irei e lhe darei saúde.

_ Não, Senhor! Não sou digno de que entres debaixo do meu teto, mas dizes somente uma palavra, e o meu criado sarará. Eu  sou uma autoridade e digo aos meus criados: fazei isto e eles fazem. Quero isto, e eles vão buscar... Então, Senhor... A tua palavra basta, ordena que meu criado sare e eu sei que ele sarará.

VOZ OCULTA:  Em verdade vos digo que nem mesmo em Israel encontrei tanta fé. Vai e como creste te seja feito.



5 ( mulher do fluxo de sangue ): Já tinha gastado tudo o que eu tinha, e aquela enfermidade me consumia há 12 anos... Ah! Mas eu sabia que no momento em que eu encontrasse com ele e tão somente tocasse em suas vestes... Resolvi romper a multidão. Não gritei. Ninguém me notou... Eu não podia estar ali, minha enfermidade era imunda, não podia tocar em ninguém... toquei então em suas vestes.

VOZ OCULTA: Quem me tocou?... Alguém me tocou, pois de mim saiu virtude.

_ Fui eu Senhor!... Fui eu quem te tocou, perdoa-me Senhor, fui eu quem te tocou... Já não tinha mais força, o meu corpo estava sendo consumido por uma terrível enfermidade, toquei tão somente em tuas vestes, pois não queria te incomodar.

VOZ OCULTA: Filha, a tua fá te salvou. Vai em paz e sê curada deste mal.



6 ( Lazaro ) : ELE era meu amigo. Comia, bebia e dormia na minha casa... Mas um dia adoeci, e ELE não veio. Fui piorando e só sei que morri...Disseram-me que ELE só chegou quando já faziam 4 dias que eu tinha morrido. Quando minha irmã Marta soube que ELE vinha chegando correu ao seu encontro e disse: Se tu tiveste aqui... meu irmão não teria morrido.

VOZ OCULTA: Eu sou a ressurreição e a vida, quem crer em mim ainda que esteja morto viverá.

_ E foram todos até o lugar onde eu estava enterrado. Mandou que tirassem a pedra que fechava o túmulo...Eu não sei o que houve... Eu só sei que ouvi uma voz:

VOZ OCULTA: Lazaro!

_ Era a voz do meu amigo! Daquele que me amava, daquele que chorou a dor das minhas irmãs.

VOZ OCULTA: Lazaro!

_ Era a voz do dono da vida! Do filho de Deus... Era o Cristo, o meu Senhor.

VOZ OCULTA: Lazaro vem para fora!

_ E eu despertei do sono da morte.



VOZ OCULTA: E todo aquele que vive e crê em mim nunca morrerá, crês tu nisto?



                          FIM




Postar um comentário